Desvendando a Moda – Moda circular


Nathalia Marinelli


O conceito de moda circular está redesenhando a indústria da moda para fazê-la trabalhar pelas pessoas e pelo meio ambiente. Seus princípios contribuem para o questionamento sobre a escolha de materiais, produtos químicos, processos de fabricação e venda e uso. Essa nova forma de se pensar na economia propõe que materiais seguros sejam usados continuamente, a água seja recuperada e a energia seja limpa, permitindo que a indústria da moda se torne uma força para o bem. 

A moda circular se baseia nos principais princípios da economia circular e do desenvolvimento sustentável. Ela diz respeito a ciclo de vida de um produto, design e sourcing, produção, transporte, armazenamento, comercialização, venda, fase de usuário e fim de vida do produto. 

A moda consciente e sustentável questiona a forma com a qual as nossas roupas são feitas, usadas e reutilizadas. 



Brechós 

Nesse conceito, falamos que os itens possuem um ciclo de serviço e não ciclo de vida, uma vez que existem muitos produtos que jogamos fora, mas que ainda não “morreram” e podem muito bem continuar a servir o seu propósito, como aquela bolsa que  compramos há um tempo e de que agora não gostamos mais. 

Entre os modelos de negócios nos quais se aplicam a ideia de extensão estão aqueles que promovem o compartilhamento e a reutilização de peças, os famosos brechós, um dos melhores exemplos de circularidade na moda. 

Consumir de maneira mais consciente é uma realidade hoje. Em se tratando do mercado de moda, inclusive, essa é uma das tendências que mais crescem no Brasil e no mundo. Por isso, os brechós online estão tão em alta. Mesmo entre milionários e bilionários, a reutilização de roupas virou febre. Os brechós de luxo representam a evolução dessa tendência de comportamento. 

Segundo uma pesquisa, o mercado second hand é uma maneira poderosa de as marcas de luxo se aproximarem de potenciais clientes primários futuros. Diante disso, os varejistas digitais estão mudando o perfil do comércio de produtos seminovos. Atualmente, as vendas online estão mais estruturadas e oferecem mais transparência. 



Impactos  

A moda consciente e sustentável questiona a forma com a qual as nossas roupas são feitas, usadas e reutilizadas. Podemos citar algumas ações em prol da moda circular que as empresas devem se atentar: 

*ter o máximo de conhecimento sobre a cadeia de suprimentos;

*ser transparente e exigir transparência dos fornecedores; 

*formar parcerias de longo prazo com fornecedores para que possam trabalhar juntos em melhorias; 

*fazer escolhas inteligentes e sustentáveis de matérias-primas;

*trabalhar em colaboração com outras marcas e empresas; 

*inovar nas escolhas (materiais, embalagens e modelos de negócios); 

*fortalecer o laço com seus consumidores. 


Na indústria da moda, adotar o conceito de economia circular tornou-se uma obrigação, pois a maior parte dos itens são simplesmente descartados no lixo sem serem reutilizados ou reciclados. O círculo da moda é composto por: reduzir, repensar, reaproveitar, reciclar e reusar.


Nathalia Marinelli

Designer e Branding de Moda. Formada em Design de Moda e especialista em Marketing Digital, Branding de moda (ESPM SÃO PAULO), Instagram (ESPM SÃO PAULO), Moda e Internacionalização (IED MILÃO) e Moda e Storytelling (ESMOD PARIS). 

Siga a Nathalia no Instagram ou fale com ela por e-mail (marinellimarketing@gmail.com).


Siga a Revista Mulheres no Instagram e no Facebook.